Anvisa aprova testes rápidos para Covid-19 em farmácias

As farmácias não serão obrigadas a disponibilizar o teste. O estabelecimento que optar pelo procedimento deverá ter profissional qualificado para realizar o exame.

audio/mpeg 28-04-20 - É NOTÍCIA - 1M04S FINALIZADO - ANVISA APROVA TESTES RÁPIDOS EM FARMÁCIAS.mp3 — 917 KB

Duração: 58s




Transcrição

 

Foi aprovado nesta terça-feira, dia 28, pela diretoria da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) a aplicação de testes rápidos para a detecção do novo coronavírus em farmácias.

 

Com a decisão, a realização deixará de ser feita apenas em ambiente hospitalar e clínicas das redes públicas e privadas.

 

As farmácias não serão obrigadas a disponibilizar o teste. O estabelecimento que optar pelo procedimento deverá ter profissional qualificado para realizar o exame.

A realização dos exames não servirá para a contagem de casos do coronavírus no país. 

 

De acordo com o diretor-presidente substituto da Anvisa, Antonio Barra Torres, o objetivo dos testes em farmácias é diminuir a aglomeração de indivíduos e também reduzir a procura dos serviços médicos em estabelecimento das redes públicas.