Inep divulga dados da 1ª etapa do Censo Escolar 2021

Total de matrículas nos anos finais do ensino fundamental e no ensino médio tiveram aumento no ano passado; na educação infantil, houve queda de 9% entre 2019 e 2021.

audio/mpeg 31-01-22 - E NOTICIA - CENSO 2021 - ADALTO - PM.mp3 — 1880 KB

Duração: 1m30s




Transcrição

Apesar da pandemia de covid-19, o número de matrículas nos anos finais do ensino fundamental aumentou em 2021. Os dados fazem parte da primeira etapa do Censo Escolar 2021, e foram divulgados nesta segunda-feira (31) pelo Inep, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira.

Em 2020, ano em que começou a pandemia, o Brasil tenha quase 11 milhões 928 mil estudantes matriculados do 6º ao 9º ano. Já em 2021, as matrículas subiram para mais de 11 milhões 981 mil. 

A pesquisa também mostra um aumento de matrículas no ensino médio. Foram registrados 7 milhões 800 mil alunos em 2021. O crescimento foi de 2,9% em relação a 2020.

Na educação infantil, houve queda de 9% no total de alunos matriculados, entre 2019 e 2021. A redução foi maior na rede privada, com queda de 21,6% no período. Na rede pública, a queda foi de 2,3% no total de matrículas.

A primeira etapa do Censo Escolar traz informações sobre professores, gestores e turmas de todas as escolas do país. A pesquisa é a principal fonte no planejamento de políticas educacionais do governo federal.

Você confere mais informações sobre a primeira etapa do Censo Escolar 2021 no site do Inep. O endereço é gov.br/inep.

Da Rede Nacional de Rádio, em Brasília, Adalto Gouveia.