Ministério da Saúde amplia lista de profissionais que vão receber apoio psicológico

Entre essas categorias estão os profissionais da educação e segurança, bombeiros, motoristas, cobradores e os que atuam na limpeza pública.

audio/mpeg 31-07-20 - ADALTO GOUVEIA APOIO PSICOLÓGICO.mp3 — 1074 KB

Duração: 1m31s




Transcrição

O Ministério da Saúde irá ampliar a oferta de atendimento psicológico , por meio do projeto Telepsi, para os profissionais que atuam em serviços considerados essenciais.

Entre essas categorias estão os  profissionais da educação e segurança, bombeiros, motoristas, cobradores e os que atuam na limpeza pública.

Inicialmente, o projeto, que presta suporte psicológico e psiquiátrico, foi direcionado aos profissionais de saúde do Sistema Único de Saúde que estão na linha de frente do combate à Covid-19 em todo o país.

Até o momento, foram realizados 718 atendimentos. Deste total, 415 participantes seguem em acompanhamento.

Os estados que mais registraram atendimento foram São Paulo , seguido de Minas Gerais e Bahia .

Do total de profissionais de saúde atendidos até o momento, a maioria é da área de enfermagem.

Os dados revelam, ainda, que 58% apresentam sintomas de ansiedade grave, 20% sintomas de irritabilidade grave e 12% sintomas de depressão grave.


Além disso, 38,% são profissionais que trabalham na Atenção Primária à Saúde e 25% em hospitais com área dedicada à Covid-19.