ministério do Turismo investe R$ 150 milhões para atrair turistas para os parques nacionais

Dados do ICMBio estimam que os visitantes gastaram cerca de R$ 2 bilhões de reais nos munícipios do entorno das unidades de conservação nacional, gerando cerca de 80 mil empregos diretos

audio/mpeg 31-07-20 - ADALTO GOUVEIA TURISMO PARQUES NACIONAIS.mp3 — 1149 KB

Duração: 1m37s




Transcrição

O ministério do Turismo está fazendo uma a avaliação e adequação de parques localizados em Minas Gerais   e de seus entornos, com intuito de criar roteiros e produtos dentro do segmento turismo de natureza.

O Governo Federal está investindo de R$ 150 milhões de reais na reforma dessas unidades.

Uma equipe do ministério do Turismo sobrevoou nesta quinta- feira sete atrações de Minas Gerais  passíveis de adaptação ao formato. Entre eles estão a Serra do Cipó, o Parque Estadual da Serra do Rola-Moça, o Centro de Proteção e Educação Ambiental da Mata do Jambeiro e o vilarejo Lapinha da Serra.

Os locais sediam o início de um plano nacional de utilização desses espaços que irá estruturá-los e integrá-los na intenção de atrair mais turistas para o país.

 Além de Minas Gerais, o Ministério do Turismo já está conversando com os estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul para, também, inserí-los no plano.

Dados do ICMBio estimam que os visitantes gastaram cerca de R$ 2 bilhões de reais  nos munícipios do entorno das unidades de conservação nacional, gerando cerca de 80 mil empregos diretos.

Além disso, o turismo de natureza apresentou um aumento nos últimos anos de 27,3% na procura pelos turistas estrangeiros.