Advogado-Geral da União fez nova defesa do mandato da presidenta e afirmou que relatório não tem base legal

Deputados da comissão da Câmara que analisa o pedido de impedimento da presidenta Dilma Rousseff estão reunidos desde a manhã de hoje para votar o parecer do relator. Mais cedo, o Advogado-Geral da União, José Eduardo Cardozo, fez nova defesa do mandato da presidenta e afirmou que o relatório não é claro, não cita crime praticado e não tem base legal.

audio/mpeg 11-04-16-paulo-la-salvia-comissao-impedimento.mp3 — 8537 KB