No aniversário da Embrapa, Tereza Cristina destaca protagonismo da empresa

As pesquisas, ações e programas da Embrapa ajudaram a transformar o Brasil e torná-lo um dos maiores celeiros do mundo, sendo uma das agropecuárias mais eficientes e sustentáveis do planeta.

audio/mpeg 48 anos Embrapa.mp3 — 3194 KB

Duração: 3m24s




Transcrição

A Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), comemorou nesta quarta-feira (28) em um evento virtual o aniversário de 48 anos.

Ligada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), a criação da Embrapa fez o Brasil assumir o desafio de promover um modelo de agricultura e pecuária tropical genuinamente brasileiro, superando as barreiras que limitavam a produção de alimentos, fibras e energia no nosso País.  

A ministra Tereza Cristina, que foi homenageada na categoria institucional, destacou o papel da Embrapa no desenvolvimento da agricultura ligada a ciência e convocou os mais de 2,4 mil pesquisadores para os desafios dos próximos 48 anos.

À época da criação da Embrapa o Brasil importava alimentos básicos como leite e carne. Atualmente, a produção nacional é responsável por garantir acesso à alimentação de cerca de 1 bilhão de pessoas no mundo a partir da saúde animal, sanidade vegetal, segurança dos alimentos e sustentabilidade na produção.  As pesquisas, ações e programas da Embrapa ajudaram a transformar o Brasil e torná-lo um dos maiores celeiros do mundo, sendo uma das agropecuárias mais eficientes e sustentáveis do planeta.

O presidente da Embrapa, Celso Moretti, anunciou seis novas tecnologias para uso nas próximas safras agrícolas e na aquicultura. Entre elas, o bioinsumo Auras, bioproduto feito com uma bactéria encontrada no mandacaru, espécie de cacto comum no semiárido brasileiro, que promove maior resiliência e capacidade de adaptação das plantas ao estresse hídrico.

A cada real investido pelo Governo Federal, a Embrapa devolveu à sociedade R$ 17,77 reais. O valor é obtido a partir do cálculo do impacto econômico de uma amostra de tecnologias adotadas pelo agronegócio brasileiro e de cultivares desenvolvidas pela Empresa.