Ministro da Agricultura deve levar à Cosalfa estratégia de retirada da vacinação contra aftosa no Brasil

O ministro da Agricultura, Blairo Maggi, deverá anunciar na reunião da Comissão Sul-Americana para a Luta Contra a Febre Aftosa (Cosalfa) 2017, o cronograma da mudança da vacina contra a febre aftosa e maiores detalhes da retirada gradual da vacinação no país, com a apresentação das ações que serão adotadas para isto. O diretor do Departamento de Saúde Animal do ministério, Guilherme Marques, explicou que, primeiro, a vacina será modificada, sendo retirado o vírus “C” da composição do produto, que foi erradicado há mais de 13 anos, tornando desnecessária a imunização.//S A reunião da Cosalfa será realizada entre 3 e 7 de abril, na cidade de Pirenópolis (GO). O Mapa trabalha com a possibilidade de retirar a vacinação de 80 milhões de cabeças a partir de novembro de 2018. Além do Brasil, são integrantes da Comissão Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Guiana, Panamá, Paraguai, Peru, Suriname, Venezuela e Uruguai.

audio/mpeg Cosalfa.mp3 — 2102 KB