Entenda o contexto político da construção e queda do Muro de Berlim

Nesta edição do Na Trilha da História, a jornalista Isabela Azevedo entrevista o historiador e professor da Universidade de São Paulo (USP), Felipe Pereira Loureiro, sobre o assunto

audio/mpeg 04-11-19 - NA TRILHA DA HISTÓRIA - MURO DE BERLIM.mp3 — 9186 KB




Transcrição

Olá, eu sou Isabela Azevedo e está começando mais uma versão reduzida do Na Trilha da História! Neste episódio nós vamos falar sobre o contexto político da construção e da derrubada do muro de Berlim, além dos 28 anos em que a barreira dividiu famílias e amigos entre Berlim Ocidental e Berlim Oriental. Nosso entrevistado é o historiador Felipe Pereira Loureiro, professor do Instituto de Relações Internacionais da Universidade de São Paulo, doutor em História Econômica também pela USP. Felipe nos conta que com o fim da Segunda Guerra Mundial, os países vencedores dividiram a Alemanha e a capital Berlim, em áreas de ocupação.

SONORA

Na segunda metade dos anos 40, a tensão entre Estados Unidos e a União Soviética já estava às alturas. Até 1961, porém, os cidadãos de Berlim tinham trânsito livre entre as áreas comunistas e capitalistas da cidade.

SONORA

Mas o fluxo migratório de Berlim Oriental para Berlim Ocidental começou a ficar muito intenso e, em agosto daquele ano, as autoridades comunistas começaram a levantar uma barreira entre as duas partes da cidade.

SONORA

Em 1963, o presidente norte-americano John Kennedy visitou Berlim Ocidental e fez um discurso histórico em frente ao muro. Falou, em inglês, que a Liberdade era indivisível e como um homem livre ele sentia muito orgulho de dizer - agora em alemão: “Eu sou Berlinense”.

(sobe som)

Em 1987, foi a vez do presidente norte-americano Ronald Reagan fazer um discurso simbólico em Berlim. Em uma mensagem endereçada ao líder da União Soviética, Mikhail Gorbachev, Reagan disse, em frente à multidão: Senhor Gorbachev: Destrua este muro!

(sobe som)

Dois anos depois, o muro realmente caiu, encerrando um período de 28 anos em que os berlinenses foram separados.

SONORA

Esta foi a versão reduzida do Na Trilha da História! O episódio completo tem uma hora e traz, além da entrevista na íntegra com o historiador Felipe Pereira Loureiro, músicas que ajudam a contar a história do muro de Berlim. Para ouvir, acesse: radios.ebc.com.br/natrilhadahistoria. E se você quiser enviar uma mensagem pra gente, nosso e-mail é culturaearte@ebc.com.br. Até semana que vem, pessoal!